terça-feira, 6 de outubro de 2009

El Orfanato

Com produção de Guillermo Del Toro e dirigido por Juan Antonio Bayona, O Orfanato (2007) é um suspense cabuloso. A produção espanhola dá aula de como fazer um bom filme do gênero, com takes alucinantes e uma trilha sonora de prender a respiração. O diretor economiza nos efeitos especiais e abusa da criatividade pra contar uma história que parece já ter sido contada várias vezes, mas na maioria, não do jeito certo como neste filme.

A história é a seguinte, Laura, interpretada pela ótima atriz Belén Rueda, se muda com o marido e o filho pequeno para o casarão que outrora foi o orfanato onde a personagem passou tempos felizes em sua infância. Lá, o casal planejava criar um lar para atender crianças especiais. No entanto, o pequeno Simon (Roger Príncep), filho adotivo do casal, faz alguns amigos imaginários na nova casa, e após apresentar estranhos jogos de pistas e tesouros à Laura, desaparece de forma misteriosa. Daí começa a busca e o desespero da mãe do garoto para encontrá-lo. Nesta jornada ela precisa encarar evidências que desafiam a razão e que a levam aos terríveis acontecimentos ocorridos pouco depois que ela deixou o orfanato em sua infância, quando foi adotada.

Assustador e comovente!

Um comentário:

  1. Gostei muito do teu blog Marcelão!! Visite o meu //carlosgossel.blogspot.com

    ResponderExcluir